Dizendo: Por que jejuamos nós, e tu não atentas para isso? Por que afligimos as nossas almas, e tu não o sabes? Eis que, no dia em que jejuais, achais o vosso próprio contentamento, e requereis todo o vosso trabalho. Isaías 58:3

1AINDA que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse caridade, seria como o metal que soa, ou como o sino que tine. 2E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse caridade, nada seria. 3E, ainda que distribuísse toda a minha fortuna, para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse caridade, nada disso me aproveitaria. 4A caridade é sofredora; é benigna; a caridade não é invejosa; a caridade não trata com leviandade; não se ensoberbece; 5Não se porta com indecência; não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; 6Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; 7Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. 8A caridade nunca falha, mas, havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá; 9Porque em parte conhecemos, e em parte profetizamos; 10Mas, quando vier o que é perfeito, então, o que é em parte será aniquilado. 11Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino; mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino. 12Porque, agora, vemos por espelho, em enigma, mas, então, veremos face a face; agora conheço em parte, mas, então, conhecerei como também sou conhecido. 13Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e a caridade, estas três; mas a maior destas é a caridade. 1 Coríntio 13

As orações ressentidas, não agram a Deus.
Jejuar sem orar não é jejuar, é pura religiosidade e não serve de nada.
Deus quer que sejamos sempre a mesma pessoa, nós próprios, porque Ele já nos viu tal e como somos. Devemos ser íntegros. A mesma pessoa em casa, na igreja, e lá fora.
Jejuamos para ganhar intimidade com Deus.
Se não há amor, se não há um toque de Deus, tudo o que dizemos é só ruído e não há fruto.
Se vamos sacrificar algo que gostamos tanto, como a comida, então temos de saber porquê.

E, quando jejuardes, não vos mostreis contristados, como os hipócritas; porque desfiguram os seus rostos, para que aos homens pareça que jejuam. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão. Mateus 6:16

Jejuar não é motivo de tristeza.
Porque jejuamos?
Jesus jejuou.
Lei da oferta/dízimo: tudo o que semeamos, nos será multiplicado.
Há formas / maneiras e momentos de dizer as coisas.
O jejum e a oração tem a ver com deixar de comer, mas também podemos deixar outras. Todas as coisas que não nos fazem bem e que não agradam a Deus.
Quando jejuamos é para ver se a vontade de Deus é propicia à nossa vida. Não é para emagrecer.
A lei da oração: quando oramos e pedimos, Deus tem autorização legal para nos conceder aquilo que pedimos.
Não têm porque não pedem e quando pedem, pedem mal!

E busquei de entre eles um homem que estivesse tapando o muro, e estivesse na brecha perante mim por esta terra, para que eu não a destruísse; mas a ninguém achei. Ezequiel 22:30

Deus está à procura de Homens que apliquem a lei da oração.

8Mas, que diz? A palavra está junto de ti, na tua boca e no teu coração; esta é a palavra da fé, que pregamos, 9A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dos mortos, serás salvo. Romanos 10.8-9

Devo orar e quando oro Deus tem a minha autorização para fazer algo em mim.
“Ah e tal, mas Deus está muito ocupado” – Pensamento erróneo.
Nós não somos pessoas quaisquer, somos filhos de Deus e seus herdeiros, e por isso podemos chamar a sua atenção.

Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á. Mateus 7:7

E, tudo o que pedirdes em oração, crendo, o recebereis. Mateus 21:22

Deus tem grandes coisas para nós mas se não o pedimos, não nos pode ser dado.
Não oremos com escassez.

E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. 2 Crónicas 7:14

O senhor não despreza um coração humilde e quebrantado.
Tornemo-nos homens e mulheres de oração.

Rogai, pois, ao Senhor da seara, que mande ceifeiros para a sua seara. Mateus 9:38

Os propósitos do jejum:
Quando tomo a decisão de jejuar mostro o meu coração a Deus, e Deus vê que estamos sérios.
Jejuar é uma forma de sacrificar a nossa carne.

Cobiçais, e nada tendes; sois invejosos, e cobiçosos, e não podeis alcançar; combateis e guerreais, e nada tendes, porque nada pedis; Tiago 4:2

Os propósitos do jejum:
Quando tomo a decisão de jejuar mostro o meu coração a Deus, e Deus vê que estamos sérios.
Jejuar é uma forma de sacrificar a nossa carne.

Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis. Gálatas 5:17

Durante o jejum sai o melhor aroma, mas sai também toda a verdade do nosso coração.
No jejum o corpo fraqueja, mas o nosso espírito torna-se forte!

Mas esta casta de demónios não se expulsa senão pela oração e pelo jejum. Mateus 17:21

O jejum que Deus escolheu produz fortaleza, e no caso da Ester trouxe-lhe valentia.

12Então me disse: Não temas, Daniel, porque, desde o primeiro dia em que aplicaste o teu coração a compreender e a humilhar-te perante o teu Deus, são ouvidas as tuas palavras; e eu vim por causa das tuas palavras. 13Mas o príncipe do reino da Pérsia se pôs defronte de mim, vinte e um dias, e eis que Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu fiquei ali com os reis da Pérsia. Daniel 10:12-13

Se estou de jejum, ainda que coma, não me devo deleitar na comida.

Categorias: Pregações

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *