Festas solenes – Levítico 23

(Imagem) 

Pentecostes – festa das semanas 

Levítico 23:15-16

Celebrada no 50º dia depois da festa da Páscoa, 7 semanas (em hebraico: Shavuot  = conjunto de 7)

Atos 2

Os judeus celebravam a entrega das tábuas da lei;

Nós celebramos a descida do Espírito Santo;

João 3:3

Todos nascemos da água (das nossas mães) e todos temos de nascer do Espírito. 

O Espírito Santo tem características semelhantes às das nossas mães. 

No hebraico a palavra que representa o Espírito Santo é feminina 

O Espírito Santo não é tanto para entender mas para viver com ele, diariamente. 

Envolve uma decisão de ter comunhão com ele. De o conhecer. 

João 16:7-16

Cremos pela fé em Jesus Cristo mas quem está hoje connosco é o Espírito Santo 

Joel 2:28

Atos 2:1 -5

A festa cumpre-se aqui com a descida do Espírito Santo em todos. 

Não são as línguas do Espírito. Cada um começou a falar a sua língua mãe.

Orar em línguas pode ser uma manifestação do espírito mas se não oras em línguas não significa que não o tenhas. 

Esta é a festa mais importante porque é aquela em que tu e eu podemos fazer alguma coisa. Estamos a viver o tempo da colheita. 

Devemos aproveitar este tempo ao máximo!

O batismo do Espírito deve ser acompanhado com o receber de Cristo no nosso coração. 

O batismo para remissão dos pecados é um ato pontual mas o estar cheios do Espírito deve ser continuamente

Somos responsáveis por mantê-lo ativo! 

Temos de procurar ter comunhão com o Espírito, diariamente. 

Mateus 13:24-30

João 14:12-18

Onde estão as nossas manifestações do Espírito?

Temos as línguas, mas essas são para edificação pessoal, e para os outros? Que nos falta? Fé? Comunhão com o Espírito? Falta de oração ? 

Temos de procurá-lo! Porque se o fizermos vamos encontrar!

Categorias: Pregações

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *